Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mais Mulheres Por Favor

dia-da-mulher-billboard
22
Set17

[DISCOS] | My Woman

IMG-1030.JPG

 

My Woman (2016) é o terceiro (e mais recente) álbum de Angel Olsen, cantora e compositora norte-americana, nascida em 1987. Angel Olsen é responsável por ter escrito e dado voz a algumas das minhas músicas preferidas, algumas delas presentes neste álbum, muito bem recebido pela crítica.

 

Como admiradora sua desde 2014 tinha, obrigatoriamente, de começar a coleccionar os vinis. Este foi o primeiro que adquiri, um gatefold maravilhoso com as letras das músicas e algumas fotos no seu interior, e uma foto de capa soberba.

 

IMG-1023.JPG

 

A minha música preferida deste álbum é Shut Up Kiss Me. Ouçam-na com o volume bem alto. Outras de que também gosto muito são: Never Be Mine, Give It Up, Not Gonna Kill You e Woman.

 

IMG-1026.JPG

 

14
Set17

[DISCOS] | Easter

IMG-0865.JPG

 

Easter (1978) já era o meu álbum preferido de Patti Smith há alguns tempos por conter uma das minhas músicas preferidas de sempre: Because The Night (single deste disco).

 

Depois de ter lido Apenas Miúdos não consegui adiar mais a sua compra, os vinis às vezes acabam por esgotar, por isso, lá chegou esta pequena maravilha à colecção de vinis que comecei a fazer. Deixo-vos uma passagem do livro que faz referência à época de lançamento do single e do disco.

Num final de tarde, estávamos a descer a rua 8 quando ouvimos o "Because The Night" saindo de sucessivos estabelecimentos. Era a minha colaboração com o Bruce Springsteen, o single do álbum Easter. O Robert foi o nosso primeiro ouvinte após termos gravado a canção. Eu tinha um motivo para isso. Era o que ele sempre quisera para mim. No Verão de 1978, a canção subiu ao décimo terceiro lugar nas tabelas do Top 40, cumprindo o sonho do Robert de que um dia eu haveria de ter um disco que fosse um êxito.

O Robert estava a sorrir e a caminhar ao ritmo da canção. Puxou de um cigarro e acendeu-o. Tínhamos passado por muita coisa desde que ele me salvara do escritor de ficção científica e partilhara um batido debaixo de um alpendre nas imediações da Tompkins Square.

O Robert estava declaradamente orgulhoso do meu sucesso. O que ele queria para si, queria para nós ambos. Exalou um perfeito fluxo de fumo, e falou num tom que só usava comigo - o de reprimenda fingida - admiração sem inveja, a nossa liguagem de irmão-irmã.

"Patti, tu ficaste famosa antes de mim."

Agora, abram um novo separador, entrem no YouTube e pesquisem "Because The Night". Ouçam e digam-me o que acharam.

 

IMG-0941.JPG

 

WOOK - www.wook.pt